Menu
sexta, 23 de fevereiro de 2024 Campo Grande/MS
GOVERNO NOTA PREMIADA FEVEREIRO DE 2024
Campo Grande

Retorno às aulas está bem aí e escola tem muro quebrado e 'cemitério' de carteiras em Campo Grande

Denúncia vem de vereador de Campo Grande, Valdir Gomes

02 fevereiro 2019 - 09h30Por Thiago de Souza

''Esta é a educação que queremos?''. A pergunta é do vereador Valdir Gomes (Progressistas), ao ver o muro da Escola Estadual Maestro Frederico Liebermann, no Monte Castelo, em Campo Grande, quebrado e com um ''cemitério'' de carteiras próximo. O fato ocorre às vésperas do início do ano letivo estadual, 11 de fevereiro.

''Olha a situação de abandono! Muro caindo e cemitério de carteiras, cadê a nossa Secretária de Educação do Estado?", questionou o parlamentar, que publicou a foto da escola.

A proximidade da volta às aulas preocupou também um internauta. Ele exclamou: ''que absurdo cara! Nessa altura do campeonato, é triste ver isso''.

Uma mulher, que é amiga do parlamentar na rede social, relatou que o muro em questão caiu com a chuva registrada no dia 24 de janeiro.

''Lamentável situação, visto que não é a primeira vez que acontece... Precisa arrancar as árvores que já não estão mais em condições'', alertou a internauta.

O acúmulo de mesas e cadeiras no local, aparentemente, aberto, revela a possibilidade da água da chuva se acumular no material e transformá-lo em criadouro do mosquito da dengue. A escola também fica sujeita à invasão de marginais e/ou usuários de drogas.

A assessoria da SED informou que está ciente de parte da queda do muro, ocorrida na última semana, e que uma equipe será enviada para fazer os reparos e também retirar as carteiras empilhadas.