GOV AGEMS
Menu
quarta, 08 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
ALMS - NOVEMBRO
Campo Grande

Secretaria de Educação vai investigar exibição de filme com conteúdo sexual em escola

O caso teria acontecido nesta terça-feira (3), na Escola Estadual Maria Constança Barros Machado, em Campo Grande

04 outubro 2018 - 12h55Por Rodson Willyams

A Secretaria de Estado de Educação (SED) informou, nesta quinta-feira (4), que vai abrir processo administrativa para apurar a denúncia de apresentação de filme com conteúdo sexual a adolescentes na Escola Estadual Maria Constança Barros Machado, em Campo Grande. A exibição aconteceu no dia 3 de outubro.

Em comunicado a SED informa: "a Secretaria de Estado de Educação abriu processo administrativo para apurar a ocorrência relatada pela comunidade estudantil, após exibição de um filme com temática sexual, ocorrida no dia 03 de outubro de 2018, na Escola Estadual Maria Constança Barros Machado".

O caso

O caso teria acontecido nesta quarta-feira (3) e as imagens foram publicadas na página pessoal de Roberto Gomagal, em modo público. O autor da publicação demonstra repúdio a exibição, e acusa o professor de artes e o diretor da escola de, inclusive, proibir os alunos de saírem da sala.

“Além de não serem informados, após adentrarem ao auditório os mesmo foram proibidos de sair durante a apresentação e ameaçados pelo responsável caso alguém filmasse ou fotografasse as cenas do repugnante filme. [...] Jovens a partir de 14 anos das 1 series A, B, C e D, 2 series A, B e C, 3 series A e B, foram mantidas ‘em cativeiro’ sem poder se retirar do recinto até que fossem exibidas as cenas de sexo explícito”, diz.

A maior parte dos comentários condena a situação narrada pelo autor da publicação e há até mesmo ameaças contra os responsáveis em exibir o filme. Em um dos comentários sobre o conteúdo, contudo, a afirmação de que a sessão foi obrigatória aos alunos é contestada. “[...] qualquer um tinha a autonomia de sair da sessão quando quisesse, ninguém foi obrigado a ficar em ‘cativeiro’”, escreveu uma pessoa.