Menu
domingo, 29 de maio de 2022 Campo Grande/MS
CÂMARA MUNICIPAL MAIO 2/3 ANO
Campo Grande

UBSF está sem médico, mas prefeitura diz que pacientes são acolhidos no Mário Covas

Mãe de uma bebê com pezinhos tortos precisa de ortopediatra

18 janeiro 2022 - 19h00Por Thiago de Souza

A falta temporária de médico na Unidade Básica de Saúde da Família, do Mário Covas, em Campo Grande, incomodou a mãe de duas crianças, que precisa de encaminhamento para pediatria. A Prefeitura garante que as consultas estão sendo marcadas, apesar da demora. 

O relato vem de Thais Alves Lopes, que tem uma bebê de nove meses, acometida da síndrome ‘’1p 36’’, que causa transtornos físicos e mentais no paciente. 

‘’A bebê está apresentando pezinhos tortos. Preciso de um encaminhamento para o ortopedista pediátrico, mas não tem médico para isso’’, lamentou a mãe. 

A denunciante mora no bairro vizinho ao posto, que é o Jardim Canguru. Ela foi à unidade em dezembro, mas foi informada que deveria voltar em janeiro. 

‘’... fui lá hoje e a informação é que talvez em fevereiro... sei que estamos em momento difícil, mas vai ter que esperar até quando?’’, questiona Thais. 

A moradora citou ainda que precisa de atendimento para uma idosa que sofre do mal de Parkinson. 

Em contato com a Prefeitura, foi informado que realmente a unidade está temporariamente sem médico. 

‘’... há, de fato, espera um pouco maior, mas todos os pacientes estão sendo acolhidos e tendo suas consultas agendada’’, informou a Secretaria Municipal de Saúde. 

A Sesau pediu os dados da paciente e da mãe para tentar agendamento em outra unidade.