TJMS - novembro
tce novembro
Menu
Busca quinta, 21 de novembro de 2019
Cidade Morena

Mandetta e Reinaldo entregam novas instalações da Casa da Saúde no Cabreúva

Unidade de Saúde fica no prédio da antiga escola Riachuelo

18 outubro 2019 - 19h11Por Thiago de Souza e Willian Leite

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta e o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), entregaram, na noite desta sexta-feira (18), as novas instalações da Casa da Saúde do Estado. O prédio da antiga escola Riachuelo, no Jardim Cabreúva, é o novo endereço da unidade em Campo Grande. Os secretários estadual e municipal de Saúde estavam no evento.

Conforme Azambuja, são 60 mil pacientes cadastrados na unidade. Ele destacou que essa inauguração simboliza o reconhecimento do trabalho desenvolvido pela equipe da Secretaria de Saúde do Estado.

''São 180 mil atendimentos na Casa da Saúde - de janeiro a setembro deste ano. São R$  7,5 milhões de unidades de medicamentos distribuídos'', destacou o tucano.

Ainda de acordo com o governador, a nova unidade trará conforto para a população que precisa deste serviço.

''Para dar às pessoas que buscam esse serviço o direito de cidadão e o dever do Estado em promover a Saúde Pública'', detalhou Reianldo.

Geraldo Resende disse que Casa da Saúde foi melhorada. (Foto: Wesley Ortiz)

O ministro Mandetta fez questão de estar presente na inauguração. Ele disse que a agenda em MS começou logo cedo em Bonito, depois Dourados.

''O sistema de Saúde é o maior desafio no mundo. Mas estamos trabalhando para que aconteça uma mudança neste aspecto. Somos muito parceiros do governo de MS. Inclusive estamos reestruturando a Saúde no Estado, ofertando recursos na Capital e interior'', elogiou Mandetta.

No estoque da nova instalação existem 12 milhões em medicamentos, informou  o ministro de Estado. No discurso, Mandetta ainda prometeu reformar o Hospital Regional em Campo Grande e reorganizar a Saúde na Capital.

Geraldo Resende, que comanda a Saúde em MS, elogiou a nova instalação.

''Tenho certeza que melhoramos significativamente este espaço que atende a comunidade. A Casa da Saúde nada mais é do que a celebração da vida e com abundância'', refletiu o secretário.

Reinaldo diz que unidade tem 60 mil pacientes cadastrados. (Foto: Wesley Ortiz)

O nome da Casa da Saúde é em homenagem a um médico falecido e que atuou em Campo Grande: Carlos Alberto Jurgielewicz. Esposa e filhos do profissional estavam presentes e o médico Gil Tognini falou em nome da família.

''Me sinto muito lisonjeado em representar a família do meu nobre amigo que não está mais entre nós. Nos formamos na mesma faculdade e, naquela época, ainda não existia o Conselho Federal de Medicina, mas a ética e profissionalismo eram e são a nossa responsabilidade'', discursou.

O secretário Municipal José Mauro discursou em agradecimento ao ministro e ao governo do Estado.

''Hoje é dia de agradecimento e realização'', finalizou Mauro.