TCE MAIO
TJMS MAIO
Menu
segunda, 23 de maio de 2022 Campo Grande/MS
CÂMARA MUNICIPAL MAIO 2/3 ANO
Cidades

INSS admite atrasos em benefícios, mas minimiza aposentadoria de 37 funcionários em MS

A reposição dos funcionários deve ser feita apenas em 2019, se o novo governo realizar concurso

26 setembro 2018 - 19h00Por Dany Nascimento

Após receber denúncias de que beneficiários estariam enfrentando problemas ao fazer solicitações no INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), o TopMídiaNews foi e busca de resposta e o Instituto nega que a população enfrenta caos no local. O Instituto confirma apenas a aposentadoria de 37 funcionários, mas destaca que o setor não foi tão afetado porque as solicitações são feitas de forma digital.

De acordo com a assessoria de imprensa do Instituto, as solicitações dos beneficiários estão sendo encaminhadas com atraso, desrespeitando alguns prazos, mas sem gerar tumulto.

“Estão ocorrendo alguns atrasos sim, devido a essa questão dos funcionários aposentados no ano passado, mas não temos um caos instalado no Instituto. Hoje em dia tudo é feito de forma digital, a pessoa entra no site do INSS e faz o cadastro solicitando o benefício, se estiver tudo certo, ele será atendido”, diz.

Segundo a assessoria, alguns funcionários que atuam na parte burocrática do INSS estão sendo preparados para assumir outros postos, com objetivo de resolver os problemas com atraso. “Tem aqueles que analisam as questões, então eles serão remanejados para solucionar esse problema até que seja feita a reposição dos funcionários”.

Questionada sobre a reposição dos funcionários aposentados, a assessoria destaca que acredita que no ano que vem um novo concurso será lançado. “Como estamos em ano eleitoral, não terá concurso público ainda neste ano. Mas para o próximo ano, o governo deve lançar concurso para fazer essa reposição. Lembrando que foram 37 aposentados em todo o Estado”.