Menu
quinta, 01 de outubro de 2020
Cidades

Unidades do Cras vão atender animais atingidos pelas queimadas em MS

Unidade contará com médico veterinário do Cras para atendimento ambulatorial de emergência

15 setembro 2020 - 09h48Por Nathalia Pelzl

Animais silvestres afetados pelos incêndios em Mato Grosso do Sul serão atendidos por estruturas do Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS) montadas nas regiões mais críticas do Estado.

Conforme divulgado no portal do Governo, a iniciativa passou a valer a desde ontem (14) articulada pela Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) e o Imasul (Instituto de Meio Ambiente de MS).

Um veículo adaptado para atuar como uma unidade móvel do Cras irá atender os animais do Parque Estadual das Nascentes do Rio Taquari e região, nos municípios de Alcinópolis e Costa Rica. A unidade contará com médico veterinário do Cras para atendimento ambulatorial de emergência.

Além disso, na região de Corumbá e Ladário a recepção contará com apoio da PMA (Polícia Militar Ambiental, onde será montado um centro de atendimento. A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) disponibilizou a base de pesquisa na estrada-parque também para receber animais atingidos pelo fogo.

O veículo está equipado com medicamentos e equipamentos para realização de exames para atendimento por dez dias. Até o momento, apenas um cervo, um preá e uma anta chegaram ao Cras por consequência das queimadas.

Leia Também

Militar joga álcool e ateia fogo em esposa em Corumbá
Polícia
Militar joga álcool e ateia fogo em esposa em Corumbá
Ex-marido surta ao receber intimação e ameaça ex-mulher na Vila Popular
Polícia
Ex-marido surta ao receber intimação e ameaça ex-mulher na Vila Popular
Gravações e encontros com apoiadores, veja a agenda dos candidatos a prefeito de Campo Grande
Cidade Morena
Gravações e encontros com apoiadores, veja a agenda dos candidatos a prefeito de Campo Grande
Anvisa facilita o registro de vacinas da covid-19 no país
CORONAVÍRUS
Anvisa facilita o registro de vacinas da covid-19 no país