FIEMS JUNHO

terça, 18 de junho de 2024

Busca

terça, 18 de junho de 2024

Link WhatsApp

Entre em nosso grupo

2

WhatsApp Top Mídia News
Cultura

08/10/2018 11:55

Jornalista doa mais de 500 livros para montar mini-biblioteca

Sem escola e sem quase nenhum recurso, a cidade necessita de um olhar mais atento dos governantes

Perdigão não fica tão longe assim da capital, apenas 180 Km indo em direção a Rio Negro. Mas é um pedacinho perdido, ou melhor, um pedacinho esquecido do nosso Estado. Sem escola e sem quase nenhum recurso, a cidade é carente de um olhar mais atento pelos governantes.

Mas nem sempre foi assim: este distrito já teve escola estadual, já teve curso até ensino médio – antigo segundo grau, muita gente bacana já sentou nos bancos desta escola e hoje estão espalhados pelo Brasil afora.

Para juntar estas pessoas, foi idealizado o encontro SAUDADES DO PERDIGÃO. Um evento anual, que reúne moradores e antigos moradores, vindo de diversos pontos do Brasil. O primeiro aconteceu em outubro de 2017 e reuniu mais de 300 pessoas. O segundo acontece neste final de semana, dia 13 de Outubro de 2018 e a expectativa é de um público ainda maior.

Uma das idealizadoras do encontro, Neves Herculano, aposentada, afirma que o primeiro evento trouxe de volta histórias de quem morou aqui, uma confraternização muito bonita lembrando os fundadores do local, e a união das novas gerações com as antigas. “Foi muito bate-papo, jogo de futebol, baile, churrasco e a busca por recursos para que Perdigão volte a ter pelo menos escola para a criançada.”

Val Reis, jornalista, que morou com os pais e os seis irmãos numa chácara dentro do distrito até os 14 anos, conta que o encontro foi um divisor de águas na sua vida. “Me adicionaram em um grupo de whatsapp e me falaram desta festa. Não pensei duas vezes. Toda a minha infância foi neste chão, e sinto uma saudade enorme de tudo o que vivi. Participei do primeiro encontro e agora volto super empolgada no segundo”.

Val Reis arrecadou mais de 500 livros para montar mini-biblioteca no local

Primeiro encontro aconteceu em outubro de 2017 e reuniu mais de 300 pessoas (Foto: divulgação / Eros)

A jornalista arrecadou mais de 500 livros do seu projeto Doe Livros CG para montar uma mini-biblioteca no local. Em conversa coma a professora Suely Souza Santos, que mora no Perdigão, esta acionou a Secretária de Educação de Rio Negro, Harlei de Oliveira Camargo Santos, e o espaço será criado com os livros entregues durante o evento.

“Quando eu era criança e fui alfabetizada, lia tudo o que caía nas minhas mãos. Mas na cidade não tinha biblioteca. Não tínhamos acesso a informação e minha vida sempre foi de muita fantasia, vivia mergulhada com a cara nos livros que conseguia nas bibliotecas de Rio Negro. Pensei em mudar isso. Eu acredito que a leitura, o querer ver a realidade que a fantasia dos livros me trazia, foi o que fez diferença na minha vida. E quem sabe pode fazer diferença na vida de mais alguém”, finaliza a jornalista.

O encontro

Acontece no salão de festas da igreja católica de Perdigão – MS

Data: 13/10/2018 desde as primeiras horas da manhã até a madrugada

Loading

Carregando Comentários...

Veja também

Ver Mais notícias
AMIGOS DA CIDADE MORENA ABRIL NOVEMBRO