(67) 99826-0686
JuCEMS 06/07 a 15/07

Antes apoiador de Bolsonaro, Lobão vira crítico do governo: 'Está uma zona ingovernável'

Músico também criticou apoiadores de Olavo de Carvalho, autor de livros que o cantor já leu e com quem teve contato nos últimos anos

17 MAI 2019
IstoÉ
14h39min
Foto: Reprodução/Instagram

Nos últimos anos, o cantor Lobão se tornou uma das vozes mais ativas da direita brasileira, especialmente nas redes sociais, apoiando a eleição de Jair Bolsonaro no ano passado. Meses depois, porém, ele se diz desapontado com o governo e define a gestão como um “desastre”.

“Eu tinha que optar por alguém e esse alguém foi o Bolsonaro. Mas ele mostrou que não tem a menor capacidade intelectual e emocional para poder gerir o Brasil. Isso está muito claro para mim e fico muito triste. É óbvio que o governo vai ruir”, disse o cantor em entrevista ao Valor Econômico. Lobão ainda declarou que não vota no PT após uma promessa não cumprida de Lula na área da educação.

“O Bolsonaro definitivamente não tem voz, nem inteligência política para isso. Está longe de ser um estadista. Está uma zona ingovernável”, completou.

O músico também criticou apoiadores de Olavo de Carvalho, autor de livros que o cantor já leu e com quem teve contato nos últimos anos. “É óbvio que o Olavo vai acabar com esse governo, porque ele é uma pessoa muito autodestrutiva. Olavo é um sociopata, não tem empatia por ninguém, é um ególatra”, declarou Lobão.

Veja também