Menu
sábado, 05 de dezembro de 2020
Geral

BBB 19: polícia determina que Paula será intimida a depor sobre intolerância religiosa

As outras falas de Paula consideradas racistas pelos internautas não estão em investigação

12 março 2019 - 18h49Por Extra

Paula von Sperling, confinada no "BBB 19", terá que depor à Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi) assim que sair do programa. A determinação é do delegado Gilbert Stivanello.

Paula, segundo a polícia, é investigada preliminarmente por injúria por preconceito baseada em intolerância religiosa dentro do jogo, após uma conversa com Diego e Hariany sobre Rodrigo. As outras falas de Paula consideradas racistas pelos internautas não estão em investigação.

"Ela terá que depor assim que sair do programa. Acordei com a emissora que, na medida em que forem saindo, ela e Rodrigo (vítima) devem ser intimados", afirma o delegado.

Gilbert Stivanello argumentou que preferiu aguardar o fim do reality para não penalizar duas vezes o carioca.

"Imagina tirar o cara (vítima) do programa para saber se ele quer representar contra Paula? Ele, que acabaria expulso da disputa, seria vítima duas vezes. Preciso saber da Paula qual foi a intenção dela quando proferiu as falas", afirma Stivanello, que acrescenta, "se, por exemplo, Rodrigo sair antes dela e disser que não se sentiu ofendido e não quer representação, mesmo assim vou ouvi-lo porque ele tem seis meses para se arrepender. Então, é preciso ter o depoimento tomado. E farei, claro, o mesmo com ela".

Em defesa, a mãe de Paula, Adriana von Sperling, afirmou que a família não sabe da intimação, mas argumentou. "Não vi nada de errado que ela tenha falado, que pudesse comprometê-la".

Leia Também

Parque do Lageado: mulher é morta com 19 facadas e suspeita é ex-marido
Polícia
Parque do Lageado: mulher é morta com 19 facadas e suspeita é ex-marido
Sábado amanhece chuvoso e previsão é de tempestade acompanhada de granizo em MS
Cidades
Sábado amanhece chuvoso e previsão é de tempestade acompanhada de granizo em MS
'Novo cangaço', que aterrorizou moradores em assaltos a bancos no Sul, já foi comum em MS
Polícia
'Novo cangaço', que aterrorizou moradores em assaltos a bancos no Sul, já foi comum em MS
Arrastados em córrego, tio e sobrinho reaparecem no Centenário
Cidade Morena
Arrastados em córrego, tio e sobrinho reaparecem no Centenário