TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
domingo, 26 de junho de 2022 Campo Grande/MS
GOV ENERGIA ZERO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
Geral

Bolsonaro suspende monitoramento de paulistanos por meio do celular

Medida é defendida por João Dória e já estava prestes a começar

13 abril 2020 - 18h39Por Thiago de Souza

O presidente Jair Bolsonaro determinou ao ministro Marcos Pontes, da Ciência e Tecnologia, nesta segunda-feira (13), que suspenda o monitoramento dos telefones celulares com a intenção de evitar aglomerações. 

A medida foi uma iniciativa do governador João Dória (PSDB), para monitorar paulistas e paulistanos que desrespeitarem a quarentena imposta pelo governo. As quatro maiores operadoras de telefonia já haviam firmado acordo com o governo. 

Ainda de acordo com o ministro Marcos Pontes, as empresas foram avisadas da suspensão assim que as elas enviaram memorando ao Ministério, avisando sobre o início dos trabalhos em São Paulo.

Já segundo o G1, de acordo com o astronauta Marcos Pontes, o presidente Jair Bolsonaro pediu a ele "prudência" no monitoramento e, em razão desse pedido, a medida será adiada até o fim da aprovação do tema pelo governo.

"Após avaliação da equipe e com base no precedente internacional, gravei vídeo sobre a ferramenta a ser implementada. [...] Um dia depois, sábado, o presidente me ligou e solicitou prudência com esta iniciativa e que a ferramenta só fosse usada após análises extras pelo governo. Assim, determinei que o vídeo e outros posts fossem retirados das redes sociais até o término das análises extras e aprovação final do governo", publicou Marcos Pontes.