TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
sexta, 01 de julho de 2022 Campo Grande/MS
Geral

Depoimento de Moro à PF 'terminou em pizza'; pedido custou R$ 291

Ex-ministro e advogados escolheram calabresa, muçarela e parmegiana

03 maio 2020 - 09h45Por Thiago de Souza

Sérgio Moro e os advogados que o representaram durante depoimento à Polícia Federal, comeram pizza após o fim da oitiva, na noite deste sábado (2), em Curitiba (PR). O pedido custou R$ 291,00. 

Conforme o Estadão, todo o depoimento durou cerca de oito horas, na Superintendência da corporação. A ‘’janta’’ foi paga pela própria Polícia Federal e até o sabor das pizzas foi descoberto: calabresa e muçarela. O próprio entregador da pizzaria mostrou o comprovante. 

Moro depôs à PF em um inquérito que apura denúncias dele contra o presidente da República, Jair Bolsonaro. A investigação foi aberta a pedido da Procuradoria-Geral da República e autorizada pelo ministro Celso de Mello, do STF. 

A PGR viu indícios de sete crimes, entre eles coação no curso do processo, advocacia administrativa, prevaricação, obstrução de justiça, corrupção passiva privilegiada, denunciação caluniosa e crime contra a honra. 

Pizzas custaram R$ 279, fora a entrega. (Foto: Reprodução Twitter)