(67) 99826-0686
Origem - entregas

HIV/Aids: especialista alerta sobre a importância do uso do preservativo

Saiba onde fazer o teste, qual periodicidade e como proceder em caso positivo

3 DEZ 2016
Jornal do Brasil
16h01min
Foto: Divulgação

"Um dos motivos de ter aumentado o número de pessoas infectadas com o vírus do HIV/Aids é o hábito de não usar camisinha." O alerta é do infectologista do Instituto de Infectologia Emílio Ribas, o médico Jean Gorinchteyn.

O último relatório da ONU acerca do tema, divulgado em 2014, revelou que o número de infecções pelo vírus aumentou 11% entre os anos de 2005 e 2013. Com isso, o país registrou 47% de todos os novos casos contabilizados na América Latina.

Dados da Secretaria da Saúde do Estado mostram que em São Paulo foram notificados 236.507 casos acumulados de 1980 a 2014. Destes, 122.009 foram a óbito. A cada ano, surgem cerca de 8.000 novos casos.

A Secretaria mantém uma série de ações educativas com o intuito de reduzir tais índices. No entanto, a população mais jovem tem deixado de usar o preservativo em suas relações sexuais.

"Os jovens tiveram aumento no número de casos por vários motivos, um deles é o fato de acreditar que o tratamento da Aids é igual a cura, além disso, os jovens ainda olham as pessoas e acham que pelo fato de serem bonitos e viris não teriam nenhuma doença, inclusive o próprio HIV", explicou Gorinchteyn.

Veja também