Menu
domingo, 22 de maio de 2022 Campo Grande/MS
TOP MIDIA INSTITUCIONAL SUPER BANNER
Geral

Mães de bebês que tomaram vacinas contra Covid por engano relatam desespero

'E se matasse minha filha?', diz uma das mães

04 dezembro 2021 - 11h35Por Dany Nascimento

As mães dos dois bebês que receberam por engano a vacina contra a Covid, em Sorocaba (SP), em vez da pentavalente, que protege contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e contra uma bactéria responsável por infecções no nariz, meninge e garganta, relataram o momento quando receberam a notícia do erro.

Conforme o G1, a prefeitura abriu procedimento interno para apurar a responsabilidade da funcionária que trocou as doses, que foram aplicadas na unidade básica de saúde do bairro Nova Sorocaba, na zona norte, na quarta-feira de manhã.

Ana Cláudia Mugnos Riello conta que a filha tem dois meses e, horas após a vacinação, teve febre e parou de tomar leite.

“O secretário de saúde chegou e falou: 'olha, mãe, três crianças foram vacinadas com a penta aqui, ontem. Duas delas receberam a da Covid. Nós não temos como saber quais destas crianças foram as que receberam’. Pediram desculpa, só que é uma vida. E se matasse a minha filha?”, disse.
Para a Kathillyn Monteiro da Silva, o susto foi ainda maior. Ela estava em casa quando recebeu a visita do secretário municipal de saúde. O filho dela, de quatro meses, deveria ter recebido o reforço da vacina pentavalente, mas também aplicaram a Pfizer.

“Como uma pessoa pode dar uma coisa errada para uma criança? É um neném ainda. Chorei muito, porque se acontece algo com meu filho?”, conta.

As duas crianças foram levadas para o Gpaci, hospital referência em Sorocaba, e onde a prefeitura tem contrato para manter leitos infantis. As crianças estão bem, não precisaram ser medicadas e receberam soro.