Menu
Busca sexta, 03 de julho de 2020
MS DIGITAL - COMPET
Geral

Maia diz que Bolsonaro não 'comprou' Centrão: 'relação democrática'

Oposição acusa Governo de distribuir cargos em troca de apoio político

29 maio 2020 - 20h47Por Thiago de Souza

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM) disse, nesta sexta-feira (29), que o presidente Jair Bolsonaro não ‘’comprou’’ o Centrão e enxerga uma ‘’relação democrática’’ na aproximação desses partidos com o Planalto. 

''Não acho que ele comprou o Centrão. Ele quer ter uma relação com os partidos que têm convergência ideológica e que resolveram fazer parte do governo'', explicou Maia. As falas aconteceram em entrevista à revista IstoÉ, transmitida nas redes sociais do veículo.

Partidos de oposição acusam o Governo de, simplesmente ‘’comprar’’ apoio político dos partidos do centrão, baseado na nomeação de indicados dessas legendas em cargos públicos. 

Na entrevista, Maia também criticou Bolsonaro pelas “declarações duras” contra o Supremo Tribunal Federal (STF), após ação da Polícia Federal que tinham como alvo pessoas próximas a ele. 

Maia foi questionado sobre o motivo de ainda não ter ido ao Palácio do Planalto depois das falas de Bolsonaro.

''Depois dessas declarações precisamos tomar cuidado de como vamos organizar o diálogo. Ir ao Planalto parece algum tipo de apoio aquilo que ele falou e de forma nenhuma podemos apoiar algo que foi colocado de forma equivocada. Até a noite ele melhorou a comunicação e isso nos dá alguma tranquilidade'', disse Maia.

 

Leia Também

Apesar do decreto de Bolsonaro, uso de máscara ainda é obrigatório em igrejas e comércio da Capital
Cidade Morena
Apesar do decreto de Bolsonaro, uso de máscara ainda é obrigatório em igrejas e comércio da Capital
Com mala de drogas, mulher é detida durante viagem na MS-164
Polícia
Com mala de drogas, mulher é detida durante viagem na MS-164
Bolsonaro aguarda que Senado aprove CNH por dez anos
Política
Bolsonaro aguarda que Senado aprove CNH por dez anos
Mandetta vai analisar pandemia do coronavírus em live com vereadores de Campo Grande
Política
Mandetta vai analisar pandemia do coronavírus em live com vereadores de Campo Grande