TCE ABRIL 16 A 22/04
Menu
quarta, 21 de abril de 2021
MS MAIS SOCIAL 21 E 22/04
Geral

Médico é espancado depois de alertar sobre riscos de aglomerações

Caso ocorreu em Toledo, no Paraná, horas após reunião para decidir o que seria fechado na cidade

01 março 2021 - 16h54Por Thiago de Souza

O médico José Eduardo Mainart Panini foi espancado por um grupo de pessoas conhecidas dele, na cidade de Toledo, no Paraná. O profissional diz que o motivo da surra foi um alerta que ele fez para destacar o risco de promover aglomerações. 

Segundo o O Dia, José Eduardo atua no Hospital das Clínicas da Faculdade de Ribeirão Preto, em São Paulo . 

A vítima conta que as agressões ocorreram na sexta-feira (27), horas participar de uma reunião para definir quais estabelecimentos iriam ser fechados ou não, baseado em um decreto do Governo do Paraná. 

José Eduardo diz ter levado socos e chutes, inclusive teria sido segurado por uma pessoa para que outra o atacasse. 

Nas redes sociais, o infectologista mostrou as marcas das pancadas e lamentou o fato. No entanto, segue com a missão de alertar a sociedade.  

‘’pessoas assim que ajudaram situação chegar onde está! O desânimo não vem! E junto com eles temos muita coisa boa, progresso, vacinas e tudo que vai fazer sairmos dessa pandemia’’, postou em uma rede social.