Menu
segunda, 17 de maio de 2021
MS CRESCE PELA VIDA 14 a 18/05/2021
Geral

Monique segurou Henry para Jairinho matar a criança, diz jornalista

Segundo informações de Luiz Bacci, da Record TV, Monique teria imobilizado Henry para Jairinho matar a criança

26 abril 2021 - 12h40Por Vinicius Costa

Monique Medeiros, mãe do garoto Henry Borel, que foi morto há mais de um mês, teria participado diretamente no homicídio do menino. Segundo o jornalista da Record TV, Luiz Bacci, a mulher ajudou o Dr. Jairinho a matar a criança.

A informação foi compartilhada no Facebook do apresentador, mas que não deu mais detalhes sobre a informação. No entanto, segundo informações do jornalista, Monique teria imobilizado a criança.

O jornalista ainda rebateu a carta apresentada pela mãe em seu Instagram. "Acho que todos vão acreditar em você". Jairinho e Monique estão presos faz algumas semanas, após serem acusados de terem matado Henry.

Mudou a versão

A mãe do menino Henry Borel, a professora Monique Medeiros mudou a versão sobre a morte do filho e terminou o relacionamento com Jairinho, acusado de matar a criança.

Monique escreveu uma carta, que foi divulgada na noite de ontem (25), no Fantástico. Ela admitiu que mentiu à polícia, narrou agressões do namorado, Dr. Jairinho, contra ela e contra o garoto e disse se sentir ameaçada.

Segundo o G1, a carta, escrita na semana passada, traz diferenças em relação ao que foi dito no depoimento, dia 17 de março, na 16ª DP (Barra da Tijuca).