Menu
quinta, 03 de dezembro de 2020
Geral

Pesquisa revela que quase 70% das rodovias de MS estão em condições regulares ou péssimas

Rodovias

04 novembro 2013 - 16h30Por Aline Oliveira

A CNT (Confederação Nacional dos Transportes) divulgou uma pesquisa na semana passada, no qual foram mapeados 4.341 quilômetros de rodovias federais e estaduais em Mato Grosso do Sul. Do total, 68,8% receberam classificação de regular a péssima na avaliação geral que teve como critérios a condição do pavimento, sinalização e a geometria da via.

 

De acordo com o levantamento, que se refere ao ano de 2013, apenas 131 quilômetros da malha rodoviária sul-mato-grossense  está em ótima condição (3%). Dos entrevistados, (28,2%) indicou que está em boas condições, enquanto 35% consideraram regular. Para 32% a situação é ruim e 1,8% as condições das estradas estão péssimas.

 

Foi verificado ainda que de todas as rodovias mapeadas, apenas 86 quilômetros, (2%) foram duplicados. O restante, 4.255 quilômetros (98%) se refere a estradas de pista simples com mão dupla. Outra situação preocupante diz respeito ao desgaste do pavimento, já que foi confirmado que 65,5% estão com problemas.

 

Na avaliação da CNT para se recuperar a malha rodoviária de Mato Grosso do Sul seriam necessários investimentos de R$ 1,9 bilhões, sendo R$ 10 milhões para recuperação de trechos totalmente destruídos, R$ 470 milhões para restauração de trincas, buracos, ondulações e afundamentos e R$ 1,420 bilhão para manutenção dos trechos desgastados.

 

Fonte: Cananews

Leia Também

Humorista 'Rodela' morre de covid-19 aos 66 anos em SP
In Memoriam
Humorista 'Rodela' morre de covid-19 aos 66 anos em SP
Fátima Bernardes revela que está com câncer no útero
Geral
Fátima Bernardes revela que está com câncer no útero
Em 24 horas, Brasil registra quase 700 mortes por covid-19
Geral
Em 24 horas, Brasil registra quase 700 mortes por covid-19
Cachorrinhos são furtados no Tiradentes e dona chora: 'doloroso não ter vocês em casa'
Cidade Morena
Cachorrinhos são furtados no Tiradentes e dona chora: 'doloroso não ter vocês em casa'