Menu
segunda, 17 de maio de 2021
MS CRESCE PELA VIDA 14 a 18/05/2021
Geral

Presos gravam vídeos pornô dentro de celas e faturam alto no OnlyFans

Perfil dos internos no site teve mil assinantes que pagaram R$ 28 por mês

17 abril 2021 - 16h51Por Thiago de Souza

Internos de uma unidade prisional no México foram descobertos, gravando conteúdo pornográfico dentro das celas. Os vídeos eram postados no site erótico OnlyFans e rendeu dinheiro aos presos. 

Conforme o Extra, os presos desafiaram e burlaram a lei, que proíbe comunicação por telefone celular nos presídios. Inicialmente, presos postaram os vídeos, com cenas de sexo entre eles, no Twitter. No entanto, acharam e migraram para outra plataforma. 

O perfil dos detentos no OnlyFans chamou atenção e alcançou mil assinantes, que pagaram cerca de R$ 28 por mês para ter o conteúdo. 

Depois que a história viralizou, segue o Extra, as contas foram eliminadas das duas redes sociais na semana passada. Os detentos chegaram a disponibilizar para os clientes 78 vídeos, incluindo cenas de sexo entre presos e 73 fotos explícitas.

Autoridades do sistema penitenciário estão investigando o caso, contou o jornal mexicano "El Heraldo". Os participantes da plataforma erótica teriam proteção dos líderes de cartéis, que cobrariam uma taxa sobre o lucro do grupo. De acordo com detentos, a iniciativa na web tinha como objetivo arrecadar dinheiro para comprar artigos dos quais os presos mais necessitam.