(67) 99826-0686
PMCG - REFIS 01 a 30/07/2019

Bebê com quadro de infecção e desidratação é o segundo a ser resgatado em cidade do MS

Esse é o segundo caso de resgate registrado em 48 horas na mesma região

24 ABR 2019
Da redação/Diário Corumbaense
13h46min
Foto: Reprodução/Diário Corumbaense

Bebê de quatro meses foi resgatado pela Marinha do Brasil, após solicitação de apoio do Corpo de Bombeiros Militar. A criança e a mãe, moradoras na região das fazendas Farroupilha e Nazaré, no Taquari, a 60 km da área urbana de Corumbá, foram trazidos por volta das 11h55 de terça-feira, 23 de abril, em uma aeronave do Esquadrão de Helicópteros.

Esse é o segundo caso de resgate registrado em 48 horas na mesma região. O bebê apresentava quadro de infecção intestinal há uma semana e estava com desidratação.

O deslocamento foi feito com acompanhamento de um médico do Hospital Naval de Ladário (HNLa) e na chegada ao heliponto do HU-4, uma ambulância do Corpo de Bombeiros seguiu com o bebê para a Santa Casa de Corumbá. Conforme o Corpo de Bombeiros, nessa área, o acesso só é possível via aérea, pois, existe dificuldade de acesso fluvial aos rios Negrinho e Taquari, que continuam com trechos tomados por vegetação, conhecida como baceiros.

EVAM

A Marinha do Brasil esclarece que o resgate de vítimas, feito por meio de Evacuação Aero Médica (EVAM), empregando helicópteros do Com6ºDN, é realizado após solicitação do Corpo de Bombeiros apenas em locais onde o acesso é difícil ou inviável via terrestre e em caso de emergência. O voo depende, ainda, de diversos fatores, como condições meteorológicas, período diurno, distância, entre outros.

Veja também