Menu
sexta, 25 de setembro de 2020
Interior

Chuva de 70 milímetros causa inundação e alagamentos em cidade de MS

Morador disse que estragos começaram com apenas '10 minutos' de chuva

20 março 2019 - 18h16Por Thiago de Souza

Chuva forte desta quarta-feira (20) atingiu a cidade de Caarapó, a 50 quilômetros de Dourados, e deixou vários pontos da cidade alagados. A precipitação aponta que a chuva atingiu 73 milímetros até o início da tarde.

“Já não é a primeira vez que isso acontece, são mais de 3 vezes que inunda tudo, não foi nem 10 minutos de chuva e a rua (Estrela da Manhã) já estava completamente alagada e a água tomando conta da casa”, disse um morador do bairro Adonai em uma rede social.

Segundo o Caarapó News, imagens mostram diversos moradores tirando a água das residências com rodos e baldes. Em algumas casas, a água suja atingiu móveis e eletrodomésticos.

A visibilidade na hora da chuva ficou bastante prejudicada. Em alguns locais, toda a extensão da via foi tomada pela água. Um motorista de carro de passeio se arriscou e enfrentou a correnteza.  

O prefeito de Caarapó, André Nezzi, visitou algumas áreas inundadas e disse que mesmo com a chuva, as  equipes de Infraestrutura, Assistência Social e Defesa Civil  trabalham em conjunto para que a cidade se recupere o mais rápido possível dos estragos ocorridos.

Carro se arrisca em meio a enchente em Caarapó. (Foto: Reprodução Caarapó News)

 

 

Leia Também

Relator da PEC da 2ª instância, Fábio Trad lamenta: 'não há articulação para aprovar o texto'
Política
Relator da PEC da 2ª instância, Fábio Trad lamenta: 'não há articulação para aprovar o texto'
Obstetra envolvida em morte de Sheyza dá caminhão como fiança e fica solta
Interior
Obstetra envolvida em morte de Sheyza dá caminhão como fiança e fica solta
Baleado na mão e no tórax, vítima do falso frete segue estável em UPA
Cidade Morena
Baleado na mão e no tórax, vítima do falso frete segue estável em UPA
Usuário de drogas é morto com tiro no pescoço no Itamaracá
Polícia
Usuário de drogas é morto com tiro no pescoço no Itamaracá