PREFEITURA DE MARACAJU MARÇO DE 2024
Menu
sexta, 01 de março de 2024 Campo Grande/MS
DENGUE PREFEITURA MARÇO
Interior

Documento confirma morte de criança de Batayporã por picada de escorpião

Após o primeiro atendimento, menino foi levado para Nova Andradina e depois transferido para Dourados

11 dezembro 2023 - 15h15Por Dayane Medina

Documento oficial confirma que a morte de José Guilherme Maracci, 10 anos, aconteceu devido à picada de um escorpião. A criança foi picada no sábado (9) em Batayporã, foi transferida para o hospital de Nova Andradina e depois levada para o Hospital da Vida em Dourados, mas não resistiu na noite de ontem.

Já nesta segunda-feira (11), a Secretaria de Saúde de Batayporã recebeu a declaração de óbito. José teve parada cardiorrespiratória e síndrome da angústia respiratória causada por picada de escorpião.

Ainda conforme informado ao Nova News, a vítima foi atendida no Pronto Atendimento Médico de Batayporã no sábado, por volta das 22h, levada por familiares.

Constatada a necessidade imediata, a equipe local, acompanhada do médico plantonista, realizou a pronta transferência do paciente para o Hospital Regional de Nova Andradina, unidade que efetuou o encaminhamento para o Hospital Universitário em Dourados, onde houve agravamento do quadro clínico e a morte.

Mortes por picadas

José é a quarta criança morta por picada de escorpíão em Mato Grosso do Sul neste ano.

Pyetro Gabriel Arguelho, de 5 anos, picado por um escorpião em casa, em Ribas do Rio Pardo — a 94 quilômetros de Campo Grande.

criança morreu no dia 22 de agosto, no Hospital Regional de Campo Grande. O menino foi picado uma semana antes, quando a mãe preparava a criança para ir à escola no período da tarde. O animal estava no calçado quando picou Pyetro.

No dia 24 de setembro, uma criança de 6 anos morreu também por picada de escorpião, em Três Lagoas

A criança deu entrada no hospital de Brasilândia, após ser picada pelo escorpião amarelo. Mas, por conta da idade e da gravidade, ela foi transferida às pressas para a cidade vizinha 

A menina sofreu uma parada cardíaca e morreu no hospital.

Morreu no dia 1° de outubro a pequena Maria Fernanda, 3 anos, picada por escorpião no dia 25 de setembro, em Ribas do Rio Pardo.

A menina estava internada em estado grave no Hospital Regional de Campo Grande e não resistiu.