TJMS dezembro
Menu
Busca quinta, 12 de dezembro de 2019
Interior

Sócio de chefe do PCC no Paraguai é preso na fronteira

Ele era procurado desde 2016

04 outubro 2017 - 19h50Por Thiago de Souza

A polícia do Paraguai prendeu Amado Ramón Salinas,49, apontado como sócio de Elton Leonel Rumich da Silva, conhecido como 'Galan'. Este último é considerado o chefe do Primeiro Comando da Capital no país vizinho.

Salinas foi preso no centro de Pedro Juan Caballero na manhã desta quarta-feira (4). Segundo o jornal ABC Color, agentes da Unidade Especializada de Polícia e Senado da Siu realizara a prisão.

Conforme levantamento dos  agentes, Amado  é advogado e também administrador de empresas de malas,  que serviam de fachada para movimentar e lavar dinheiro proveniente do tráfico de drogas e armas.

Ele era procurado desde 2016, após operação denominada "Smugglin", a qual investigou a estrutura financeira do Primeiro Comando da Capital no Paraguai.

Ainda conforme o ABC Color, o promotor antidrogas Hugo Volpe disse que o advogado está sendo transferido para fazer uma declaração de investigação. Ele aponta que as empresas, as quais Salinas era parceiro eram de “fachada” para cobrir atividades ilegais do PCC.