Menu
segunda, 23 de novembro de 2020
Polícia

Acusada de matar 'Jhon Lenon' diz que ele chegou a arremessar pia nela durante agressões

Ele foi morto a facadas; mulher se entregou à polícia acompanhada de advogado

28 outubro 2020 - 15h40Por Nathalia Pelzl

Deisiane Bertolino, 29 anos, alegou legítima defesa em resposta a acusação por homicídio Jhon Lenon Reginaldo Fernandes, 29 anos. Ela se apresentou nesta quarta-feira (28) acompanhada de advogado, em Dourados. 

Ele foi encontrado morto nas primeiras horas da manhã de segunda-feira (26) sentado em uma cadeira em residência localizada na Aldeia Jaguapiru, Reserva Indígena do município.

Conforme o site Dourados News, a acusada contou aos policiais do SIG (Setor de Investigações Gerais), da Polícia Civil, que Jhon Lenon havia chegado bêbado na madrugada de segunda-feira e começou a agredi-la, chegando a jogar uma pia de banheiro contra ela em determinado momento da briga. 

O processo de elaboração do inquérito policial segue em andamento. 
 

Leia Também

Motorista dirige usando celular, bate carro em pilha de concreto e morre
Geral
Motorista dirige usando celular, bate carro em pilha de concreto e morre
Mãe idosa e padrasto são agredidos por filho bêbado em Paranaíba
Polícia
Mãe idosa e padrasto são agredidos por filho bêbado em Paranaíba
Menina de 11 anos morre afogada em rio
Geral
Menina de 11 anos morre afogada em rio
69 candidatos formam ‘bloco do não ganhei’ e pedem recontagem em MS
Política
69 candidatos formam ‘bloco do não ganhei’ e pedem recontagem em MS