Menu
terça, 07 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
CAMARA - vacinaçao
Polícia

Carregador de metralhadora é encontrado em 2º carro incendiado após execução de 'Bomba'

Veículo tem placas de Poá (SP) e segundo testemunhas havia suspeitos no local

26 outubro 2018 - 20h14Por Thiago de Souza

Um carregador de metralhadora foi visto dentro de um Hyundai Creta vermelho, incendiado na noite desta sexta-feira (26), no bairro Rita Vieira, em Campo Grande. Este é o segundo veículo incendiado após a execução do traficante ''Bomba'', por volta das 18h30, na Rua Amazonas.

O carro tem placas de Poa (SP). Minutos antes, uma Jouney foi incendiada em uma estrada de terra atrás da Universidade Católica Dom Bosco, no Jardim Seminário.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para conter os dois incêndios, mas foi orientado pela Polícia Civil a não jogar água para não apagar impressões digitais na lataria e em cápsulas.

As polícias civil e militar estão nos locais dos incêndios e no atentado.

Cápsula encontrada em local de execução de ''Bomba''. (Foto: Repórter Top)

O crime

Orlando da Silva Fernandes, 41 anos, foi executado a tiros de fuzil, na noite desta sexta-feira (26), na Rua Amazonas esquina com a Enrramada, na Vila Gomes, em Campo Grande. Vários disparos atingiram a cabeça da vítima.

Conforme o Corpo de Bombeiros, havia marca de disparos também no tórax e no braço. O Samu foi acionado e constatou a morte do homem. Ao menos 40 cápsulas de calibre 556 foram achados no local.

A vítima estava com 240 mil em cheques e aproximadamente 2 mil reais em espécie e saia de uma barbearia. Orlando atravessava a rua em direção a sua caminhonete Hilux branca quando foi atingido.

Testemunhas informaram que não viram o crime, apenas que sentiram cheiro de queimado e barulho de rojões. Já o motorista de um Vectra preto, que estacionava no local na hora dos tiros, ficou ferido por estilhaços e o carro foi atingido por dois disparos.