TCE Novembro
Menu
segunda, 29 de novembro de 2021 Campo Grande/MS
pmcg revia negocios
Polícia

Colégio onde garoto armado atirou na própria coxa lamenta episódio e retoma aulas nesta quinta

Instituição de ensino diz que a vítima e a família receberão toda assistência necessária

17 outubro 2018 - 20h20Por Thiago de Souza e Dany Nascimento

O Colégio Adventista de Campo Grande emitiu nota, na noite desta quarta-feira (17), onde lamentou o fato de um estudante de 9 anos ter entrado armado na instituição. A pistola disparou e atingiu a coxa do garoto dentro da sala de aula, que foi socorrido e não corre risco de morte. Nesta quinta-feira, haverá aula normal, informou a escola.

De acordo com a instituição de ensino, que fica na rua Piratininga, no Jardim dos Estados, a arma disparou quando o garoto assistia aula de geografia e atingiu a perna dele. O socorro, diz a nota, foi acionado imediatamente. Os demais alunos foram levados para uma sala ao lado, onde ficaram em segurança, completa o texto.

Os alunos que presenciaram o ocorrido e todos que sentirem necessidade terão atendimento psicológico, garantiu o colégio Adventista. A criança, vítima do disparo e a família dela vão receber apoio do colégio, assim como a polícia terá todas as informações necessárias.  

Perícia e Polícia Civil estiveram na escola nesta quarta-feira. (Foto: Wesley Ortiz)

A assessoria da colégio foi questionada pelo TopMídiaNews se haveria reforço no sistema de segurança da escola, porém essas informações ainda estão sendo discutidas com a diretoria e serão repassadas posteriormente.

O menino tem 9 anos e foi levado para o Proncor em Campo Grande e não corre risco de morte. O pai dele presta esclarecimentos na Depac Centro.