Menu
quinta, 01 de outubro de 2020
Polícia

OMERTÀ: com ajuda de Jamil, Fahd vingou morte do filho com dois assassinatos

Daniel desapareceu em 2011, mas seu corpo nunca foi encontrado

19 junho 2020 - 13h00Por Redação

Após anos do desaparecimento do filho, Daniel Alvarez Georges, o Rei da Fronteira, Fahd Jamil Georges, teria se vingado dos suspeitos pelo crime contra o rapaz.

Daniel foi visto pela última vez no dia 3 de maio de 2011. O corpo nunca foi encontrado.

Conforme as investigações da Operação Omertà, a parceria do empresário da fronteira com a milícia de Jamil Name e Jamil Name Filho ajudou na execução dos suspeitos de matar Daniel.

Fahd teria ordenado a execução de Alberto Aparecido Roberto Nogueira, encontrado morto em Bela Vista, e também de Ilson Martins de Figueiredo, morto em Campo Grande.

O Rei da Fronteira e seu filho, Flávio Correira Jamil Georges, forneciam armas de fogo de grosso calibre para a milícia de Name executar homicídios no Estado, segundo as investigações. Jamil e Fuad trocam favores.

Fuad também teria disponibilizado uma fazenda para abrigar José Moreira Freires e Juanil Miranda, que estão foragidos da polícia. Eles seriam executores da milícia de Jamil Name e Jamil Name Filho.   

Leia Também

Mulher pede cigarro, apanha e acaba presa durante festa no Los Angeles
Polícia
Mulher pede cigarro, apanha e acaba presa durante festa no Los Angeles
'Sementes misteriosas' que chegam da China podem fazer parte de esquema de fraude
Geral
'Sementes misteriosas' que chegam da China podem fazer parte de esquema de fraude
Em Amambai, dois candidatos disputam cadeira da prefeitura
Política
Em Amambai, dois candidatos disputam cadeira da prefeitura
Campanha de multivacinação começa na próxima segunda-feira
Cidade Morena
Campanha de multivacinação começa na próxima segunda-feira