Menu
segunda, 17 de maio de 2021
MS CRESCE PELA VIDA 14 a 18/05/2021
Polícia

Defesa de Fahd alegou risco de contaminação por covid-19 em pedido de domiciliar

Ele estava foragido e se apresentou à Justiça nesta segunda-feira. Defesa diz que Fahd é inocente

19 abril 2021 - 11h50Por Rayani Santa Cruz e Willian Leite

O advogado Gustavo Badaró responsável pela defesa do empresário Fahd Jamil Georges, 75 anos, que se apresentou à Justiça de Mato Grosso do Sul após anos foragido, disse que o cliente corre risco de contaminação pela covid-19, caso seja encaminhado para algum Presídio. 

Fahd é apontado como chefe do crime organizado e acusado de diversos crimes. A defesa disse que ele permaneceu foragido devido ao fato “da defesa estar procurando a possibilidade do cumprimento da pena em regime domiciliar”. 

“Aliás, isso [prisão domiciliar] era basicamente a vida dele nos últimos anos. Ele pouco ou mal saia de casa e permanecia na residência dele porque precisa realizar tratamento de saúde. Quando viajava era basicamente para São Paulo para se consultar e fazer exames de rotina com os médicos.”

A defesa acredita que com a apresentação espontânea do ‘rei da fronteira’ a chance de conquistar a prisão domiciliar é maior. O advogado afirma ainda que até pelo risco de contaminação da covid-19 “é mais lógico que se defira a prisão domiciliar”. Além disso, laudos médicos sobre doença pulmonar crônica foram entregues.

Fahd é acusado de diversos crimes e Badaró afirma sobre sua inocência.

“Ele se declara inocente e não é responsável por nenhum desses crimes. Ele não é mandante de nenhum homicídio. Ele não praticou qualquer forma de corrupção. A acusação de organização criminosa é uma acusação, que se baseia muito mais numa fama do passado, do que em qualquer ato concreto. A acusação não traz nenhum elemento que indique, que ele continue agindo, atuando ou interferindo na prática em qualquer crime.”

Ele chegou na Capital nesta segunda-feira (19) em uma avião particular no aeroporto Santa Maria, em Campo Grande e foi encaminhado a sede do Garras para tramites legais.