TJ BANNER JUNHO 2022
PREF MARACAJU JUNHO REFIS 2022
Menu
sábado, 25 de junho de 2022 Campo Grande/MS
GOV ENERGIA ZERO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
Polícia

Frota denuncia advogado de Bolsonaro que ameaçou Doria de morte

OAB pode tomar medidas judiciais

12 abril 2020 - 16h10Por Vinícius Squinelo, com IstoÉ

O advogado Marcelo Pegoraro, que participa da formação do partido Aliança pelo Brasil, ligado a Bolsonaro, deverá ser indiciado neste domingo pela Policia Civil de São Paulo em razão de ameaças de morte feitas na tarde deste sábado ao governador de Sao Paulo, João Doria.

As ameaças ao governador foram feitas por volta das 16h30 deste sábado na avenida Paulista, defronte o Masp, quando um grupo de bolsonaristas se manifestavam contra a politica de isolamento social adotadas por Doria.

O grupo comandado por Pegoraro pedia que todos voltassem ao trabalho normal, conforme recomenda Bolsonaro.

Munido de um megafone, o advogado passou a ofender o governador com palavrões, fez ameaças de morte e afirmou que o grupo invadiria a casa do governador e quebraria tudo.

Enquanto falava, tudo era filmado por outro bolsonarista, identificado como sendo Ilmo Buzo, ligado à deputada Bia Kicis, segundo o deputado Alexandre Frota (PSDB-SP), que fez a denúncia ao secretário de Segurança, general João Campos.

Com base nos áudios, o delegado Ronaldo Sayeg intimou o advogado e seu assistente para formalizar o indiciamento por ameaça de morte, desrespeito ao decreto do governador que impôs a quarentena e distúrbios públicos, entre outras coisas.

O deputado Frota, autor das denúncias contra o advogado, diz que vai encaminhar ofício à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) pedindo a suspensão de Pegoraro.