Menu
quinta, 24 de setembro de 2020
Polícia

Funileiro confessa ter decapitado rival e diz que comeu carne do pescoço da vítima

Ele foi preso no mesmo dia do crime e diz não estar arrependido

07 maio 2019 - 18h42Por Thiago de Souza

Agnaldo dos Santos Miranda, 28 anos, confessou o assassinato de Eliel de Jesus, 44 anos, nesta segunda-feira (6), em Coxim. Ele foi preso no mesmo dia e, na tarde desta terça-feira (7), disse a um grupo de delegados que, depois de decapitar, chegou a comer a carne do pescoço da vítima.

Conforme o Edição MS, os três delegados de Coxim – Silvia Elaine Girardi Menck, Felipe de Oliveira Paiva e Fernando Ferreira Dantas – concederam entrevista coletiva sobre a investigação no final da tarde de hoje.

De início, disseram os delegados, o suspeito negou envolvimento no crime, mas confessou o ato instantes depois. Inclusive, narrou com detalhes como assassinou Jesus.

Antes de decapitar a vítima, diz o site, Miranda desferiu várias facadas. Ele não se lembra quantas, mas a necropsia encontrou 16 golpes pelo corpo. Entretanto, algumas facadas podem ter sido desferidas por outra pessoa, com quem Jesus se desentendeu anteriormente, horas antes de morrer.

Homem teve a cabeça cortada e deixada a 80 metros do resto do corpo. (Foto: Edição MS)

Das várias facadas dadas por Miranda, uma atingiu o coração. Ao relatar os golpes, o autor disse que foi uma facada certeira no peito. Ele fez alusão à morte de um boi ou um porco, que quando alguém quer matar  ''tem que ir direto no coração, sem piedade''.

As investigações apontam que, depois do assassinato, Miranda deixou a cabeça da vítima na varanda da casa de um homem identificado como ''Lima'', que ele também teria procurado para assassinar. Como não encontrou, ele voltou para sua residência, dormiu e foi trabalhar normalmente durante a manhã. O autor foi preso quando chegava a uma conveniência da rua Gaspar Ries Coelho, onde compraria fumo.

Horas depois de prender Miranda, a polícia chegou até Lima, que estava escondido na zona rural de Coxim, e que já foi preso várias vezes por tráfico de drogas.

Leia Também

Senadores voltam a criticar visita de secretário Americano Mike Pompeo a Roraima
Polícia
Senadores voltam a criticar visita de secretário Americano Mike Pompeo a Roraima
Sobras de merendas poderão virar adubo em Campo Grande
Cidade Morena
Sobras de merendas poderão virar adubo em Campo Grande
Em Campo Grande, shopping realiza ação on-line para adoção de animais
Cidade Morena
Em Campo Grande, shopping realiza ação on-line para adoção de animais
Deputado apela a bancada de MS para apurar preço abusivo no pedágio da BR-163
Geral
Deputado apela a bancada de MS para apurar preço abusivo no pedágio da BR-163