Menu
segunda, 19 de outubro de 2020
Polícia

Suspeito de estupro se cagou ao ser abordado pela PM

Ele bateu na mulher, que estava em visível estado de embriaguez; ela disse que não conhece o homem

16 outubro 2020 - 09h15Por Dany Nascimento

O auxiliar de serviços gerais de 59 anos, acusado de ter estuprado uma moradora de rua no dia 14 de outubro, na Praça São Francisco, em Campo Grande, será ouvido hoje (16), durante audiência de custódia no Fórum de Campo Grande e pode ter a prisão preventiva decretada.

Ele é acusado de abordar uma moradora de rua, de 44 anos, na rua e tentar estuprar a mulher. Diante da negativa da vítima, ele teria desferido socos e chutes contra ela. Moradores acionaram a Polícia Militar.

Um vendedor de doces contou aos policiais que viu o homem agredindo a vítima e, depois, com as calças abaixadas na praça. Com a abordagem da polícia, o homem defecou na roupa e ficou calado.

Ele foi levado para a DEAM (Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher).

Leia Também

Fim do mistério: suspeito de cortar fios de internet no Leblon é preso por furto
Cidade Morena
Fim do mistério: suspeito de cortar fios de internet no Leblon é preso por furto
Peão morre oito dias após ser pisoteado por égua em Ribas do Rio Pardo
Cidade Morena
Peão morre oito dias após ser pisoteado por égua em Ribas do Rio Pardo
'Mucha plata': bolivianos são pegos com R$ 1,5 milhão na fronteira
Interior
'Mucha plata': bolivianos são pegos com R$ 1,5 milhão na fronteira
Jovem é presa ao entrar com dinamite em presídio no Paraguai
Geral
Jovem é presa ao entrar com dinamite em presídio no Paraguai