Menu
domingo, 27 de setembro de 2020
Polícia

Homem preso pela PF é contrabandista; ele foi flagrado com arma e droga

O investigado usava a própria casa como depósito

17 abril 2019 - 11h00Por Anna Gomes e Dany Nascimento

O homem preso pela Polícia Federal na manhã desta quarta-feira (17), durante a Operação denominada Container, usava a própria casa como um depósito para guardar produtos contrabandeados do Paraguai. Os agentes cumpriram dois mandados de busca e apreensão.

A ação aconteceu na casa do suspeito que não teve o nome divulgado. A residência fica localizada no Bairro Vilas Boa. A PF também fez batida em uma empresa que seria de ‘fachada’, na Avenida Eduardo Elias Zahran. Conforme Kelly Bernardo Trindade, delegada chefe da delegacia de combate aos crimes fazendários de contrabando, a operação foi decorrente de uma denúncia anônima.

Nesta manhã, durante mandados de busca, agentes da PF e da Receita Federal encontraram várias notas de saída, o que comprovava que os eletrônicos seriam contrabandeados do Paraguai.

Os produtos que foram apreendidos seriam de da empresa que fornecia os serviços de vigilância, a qual pertece ao investigado. Com o suspeito, os policiais encontraram uma pistola 380, armas, munições e uma pequena quantia de maconha. O homem acabou preso por tráfico internacional de armas.

Com CNPJ e endereço fixo, o suspeito também fazia licitações enganando órgãos públicos como o TRE (Tribunal Regional Eleitoral).

 

Veja o vídeo dos produtos apreendidos na casa:

 

Leia Também

Suspeito de cometer assalto é espancado por moradores e fica em estado grave
Polícia
Suspeito de cometer assalto é espancado por moradores e fica em estado grave
Primeiro domingo da primavera de calor de 40ºC em Mato Grosso do Sul
Cidades
Primeiro domingo da primavera de calor de 40ºC em Mato Grosso do Sul
Racismo se perpetua e marca vida de vítimas em Campo Grande
Polícia
Racismo se perpetua e marca vida de vítimas em Campo Grande
Brasil registra 869 novas mortes nas últimas 24 horas
CORONAVÍRUS
Brasil registra 869 novas mortes nas últimas 24 horas