Menu
quarta, 30 de setembro de 2020
Polícia

Homem se diz advogado, chama PMs de merda e tenta fugir depois de abordagem

Ele teria resistido à prisão com empurrões e cabeçadas

24 fevereiro 2019 - 14h01Por Thiago de Souza

Cezar Francelino Fialho Filho, 20 anos, foi preso por desacato, na madrugada deste domingo (24), em Dourados. Ele foi abordado pela Polícia Militar na rua Joaquim Teixeira Alves, onde se apresentou como advogado, mas xingou os militares de merda e resistiu à prisão.

Durante a conferência dos dados do suspeito, a PM pediu a carteira funcional da ordem dos advogados, mas ele teria dito: ''Não vou mostrar nada para vocês, vocês são todos uns policiais de merda''.

Após o xingamento, conforme o boletim de ocorrência, ele recebeu ordem para botar as mãos para trás, para que pudesse ser algemado, mas se recusou e tentou fugir. Ao ser contido, Filho teria empurrado, dado socos e cabeçadas nos militares.

Ainda segundo o registro, o suspeito e outras pessoas foram levadas à delegacia de plantão algemados.

O caso foi registrado como desacato.

 

Leia Também

Fábio Trad cobra urgência de projeto que garante direitos a entregadores de aplicativos
Cidade Morena
Fábio Trad cobra urgência de projeto que garante direitos a entregadores de aplicativos
Governo deposita salário de servidores nesta quinta-feira
Cidades
Governo deposita salário de servidores nesta quinta-feira
Proposta para vacinas contra a covid estão em fase final de tramitação, diz Saúde de MS
Cidades
Proposta para vacinas contra a covid estão em fase final de tramitação, diz Saúde de MS
Absurdo: golpista preso em cartório é solto e sai da Depac com carro da vítima em Campo Grande
Cidade Morena
Absurdo: golpista preso em cartório é solto e sai da Depac com carro da vítima em Campo Grande