Menu
Busca sábado, 25 de janeiro de 2020
Polícia

Moradora do Panamá mata cadela a pauladas

A cadela estava faminta e revirava o lixo da casa quando foi atingida

13 janeiro 2020 - 12h23Por Rayani Santa Cruz

A cadelinha Miska estava faminta e revirava o lixo de uma casa no bairro Portal do Panamá, região norte de Campo Grande, quando foi ferida a pauladas. A cachorra procurava comida e foi surpreendida pela dona da residência, que investiu contra o animal, que quebrou o maxilar.

A ONG Abrigo dos Bichos denunciou o fato na página oficial. O crime de maus-tratos ocorreu no sábado (11). Após saber da situação, a organização rapidamente socorreu Miska e iniciou campanha para auxiliar no tratamento, mas a cadela não resistiu aos ferimentos, vindo a óbito no domingo.

De acordo com o Abrigo dos Bichos, Miska tinha dono e inclusive estava com coleira. O erro do responsável foi de ter deixado o animal solto. A cachorra se deslocou até a casa, que não tinha muros, e ao revirar o lixo foi atacada pela moradora. 

A ONG registrou boletim de ocorrência por maus-tratos na DECAT (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Ambientais e de Atendimento ao Turista) contra a suspeita, que negou os fatos. O Abrigo dos Bichos também deve entrar com processo contra a mulher para ter ressarcimento dos gastos com a cadela, que ficou internada na clínica Bourgelat até a morte.

O dono do animal também deve ser responsabilizado.