Menu
terça, 18 de maio de 2021
MS CRESCE PELA VIDA 14 a 18/05/2021
Polícia

Mulher que matou marido ganha liberdade e volta para casa no Jardim Batistão

Ela foi ouvida no Fórum e ganhou liberdade provisória

12 abril 2021 - 10h59Por Dany Nascimento

Ana Alice Lira Barros, 24 anos, teve a liberdade provisória concedida na manhã desta segunda-feira (12), após audiência de custódia, no Fórum de Campo Grande. 

Ela confessou ter matado o ex-marido Rafael da Silva Costa, 32 anos, na manhã do último sábado (10), para não ser assassinada. 

Alice deu um golpe de punhal no abdômen dentro de uma casa no bairro Jardim Batistão. O ex-marido invadiu a casa, se apossou de duas facas e disse que mataria a ex-esposa. 

Ela entrou em luta corporal com ele, foi ferida no punho e braço direito. Minutos depois, Ana conseguiu pegar o punhal e acertou o ex-marido.

Ele caiu morto no quintal da casa. A mãe de Ana Alice, disse que que a jovem tem duas filhas com Rafael. A genitora disse aos policiais que a filha sofreu violência doméstica durante quatro anos, mas tinha medo de denunciar.

A mulher de 49 anos, que terá o nome preservado, também contou que a filha também tinha vergonha da violência que sofria. 

Ela destaca que Rafael não aceitava o fim do relacionamento. Ele teria utilizado uma bicicleta para se apoiar e subir no muro da casa. 

Após entrar no quintal, Rafael arrombou a porta e entrou na residência. Segundo a mãe, ele pegou uma faca e falou que mataria a ex-mulher.

A mulher pediu para Rafael ir embora, mas ele começou a agredir a jovem. 

Ana Alice foi atendida pelo Corpo de Bombeiros e encaminhada para a Santa Casa de Campo Grande.