Menu
segunda, 26 de julho de 2021
PMCG REFIS 16 A 29/07
Polícia

Pai denuncia professor de Corumbá por estupro de casal de filhos; ele nega

O pai afirma que os dois filhos relataram que eram obrigados a fazer sexo oral com o tio

22 julho 2021 - 11h42Por Dany Nascimento

Revoltado após tomar conhecimento de que os filhos foram estuprados pelo tio, um motorista de aplicativo de 43 anos pede Justiça. A stuação é complexa e delicada, e os nomes foram omitidos para não expor as vítimas menores de idade.

O pai denuncia que na última semana a filha contou para a mãe que foi abusada até os 10 anos pelo marido da tia materna, que atua como professor no município de Corumbá.

"Ela estava na chácara do avô, falou para minha esposa que queria conversar. Minha filha contou que sofria abuso do marido da tia e que, quando completou 10 anos, ela falou que se ele não parasse de fazer isso, ela iria denunciar ele. Minha esposa veio para casa, me contou e resolvemos conversar com meu filho. Meu menino tem 11 anos e ele falou que o professor assistia vídeos pornográficos com ele e fazia sexo oral com ele. Ele já esfregou o pênis dele na cara do meu filho”, relata o pai, desolado.

O genitor afirma registrou o caso na DPCA (Delegacias de Proteção à Criança e ao Adolescente). “Minha filha até relatou o ocorrido para a melhor amiga dela, criança não mente, criança não inventa algo terrível assim. Minha filha foi ouvida, meu filho também foi ouvido. Ele não consumou o fato porque ele sabia que caso fosse denunciado, as crianças passariam por exame de corpo de delito”.  

O pai destaca ainda, que a esposa do acusado já teria flagrado ele tentando abusar do filho. “Ela repreendeu isso, ela sabe que acontecia, mas infelizmente ela ficou do lado do marido dela, isso que ficamos mais tristes”. 

ACUSADO

O TopMídiaNews tentou contato com o acusado, mas o telefone só dá sinal de desligado. O pai das crianças enviou um áudio para a redação, que teria sido gravado pelo suspeito. 

No áudio, ele nega que cometeu o crime com as crianças e afirma que a menina criou esse crime após saber que ele estaria em processo de separação da tia dela. Ele relata ainda, que o pai da crianças, teria pedido dinheiro emprestado e como ele não tinha, começou a criar essa história de estupro. 

O TopMídiaNews está aberto para que o acusado se pronuncie sobre o caso.