Menu
quinta, 24 de setembro de 2020
Polícia

Pai estupra filha lésbica para 'mostrar que sexo é melhor com homem'

O homem disse no tribunal que cometeu o crime porque a filha revelou ser lésbica à família. Ele foi condenado a 21 anos de prisão

09 março 2019 - 13h45Por Da redação/Em Tempo

Um homem foi condenado a 21 anos de prisão após estuprar a filha três vezes na cidade de Warkwick, Reino Unido. No tribunal, o acusado - que não teve o nome revelado para preservar a identidade da vítima - disse cometeu o crime porque a filha revelou ser lésbica à família. 

Após a revelação, a jovem - que tinha apenas 16 anos quando foi abusada - disse que o pai a obrigava a fazer sexo com ele para mostrar que “transar com machos era bem melhor”. 

O homem foi considerado culpado pelo júri, que julgou que ele, possuído por uma raiva real e incontrolável, decidiu estuprá-la para mostrar que ela faria sexo melhor com um homem do que com uma mulher. Um desrespeito pela opção sexual dela, além de incesto e sexo com menor de idade. Além dos 21 anos de prisão, o homem será registrado como “abusador sexual”. 

Leia Também

Pai que roubou doações para filho com doença rara ganha prisão domiciliar
Geral
Pai que roubou doações para filho com doença rara ganha prisão domiciliar
Pilantra: mulher finge estupro para ganhar seguidores em redes sociais
Geral
Pilantra: mulher finge estupro para ganhar seguidores em redes sociais
Covid-19 mata mais 869 brasileiros em 24 horas, lamenta Ministério da Saúde
Geral
Covid-19 mata mais 869 brasileiros em 24 horas, lamenta Ministério da Saúde
Ladrão com faca invade casa de madrugada e morador 'mete bala' no Tijuca
Polícia
Ladrão com faca invade casa de madrugada e morador 'mete bala' no Tijuca