Menu
Busca quinta, 14 de novembro de 2019
Polícia

Pedreiro aproveita saída de bisavó, estupra menina de 4 anos e acaba linchado por vizinhos

Autor confessou o crime e disse que não resistiu ao ver a menina sozinha

21 outubro 2019 - 10h51Por Luis Abraham

Um homem de 52 anos foi preso por estuprar uma criança de 4 anos em Contagem, região metropolitana de Belo Horizonte. O autor realizava a pintura na residência, aproveitou que os responsáveis pela menina saíram para cometer o crime e acabou linchado por moradores da região.

A Polícia Militar foi acionada, inicialmente, para atender uma ocorrência de agressão. Em conversa com os envolvidos, os militares descobriram que se tratava de uma ocorrência de estupro de vulnerável. O pintor foi espancado e estava muito machucado.

De acordo com informações do BHAZ, a mãe da menina saiu para trabalhar e deixou a menina com a bisavó, que saiu de casa rapidamente, momento em que o autor cometeu o crime sexual e ameaçou a menina dizendo que bateria nela se o estupro fosse denunciado.

A criança, no entanto, contou para os responsáveis e a notícia do crime se espalhou rapidamente pela região. Ele foi espancado por pessoas revoltadas. À PM, o autor confessou o estupro e disse que não resistiu ao ver a menina sozinha, “em situação vulnerável”.

Ele foi levado à UPA Vargem da Flores e, em seguida, foi encaminhado à delegacia. A criança foi levada para a mesma unidade de saúde e o Conselho Tutelar da cidade também foi acionado. O crime de tem pena de reclusão de 6 a 10 anos, se menor de 14 anos, vai de 8 a 15 anos.