Menu
quarta, 20 de outubro de 2021 Campo Grande/MS
senar 18/10 a 21/10
Polícia

PM encerra festa clandestina com cerca de 2 mil pessoas em Dourados

Evento não seguia nenhuma regra imposta para evitar a covid-19

19 setembro 2021 - 09h18Por Rayani Santa Cruz

Uma festa clandestina com cerca de 2 mil pessoas foi fechada na madrugada deste domingo (19) pela Polícia Militar em Dourados. O evento não seguia as regras impostas para evitar a covid-19.

Segundo o Dourados News, os militares foram acionados à 1h30 com denúncia do evento clandestino na fazenda Coqueiro III, localizada na Avenida Guaicurus, quilômetro 9, na zona rural de Dourados. 

O responsável pela sonorização do evento disse ter sido contratado por R$ 2 mil, detalhando ainda ser uma festa particular para 50 pessoas sem cobrança de ingresso. 

Mas os policiais descobriram que havia cobrança de R$ 10 para mulheres e R$ 30 para homens. A dona da propriedade se apresentou dizendo desconhecer os promotores do evento. Segundo ela, o espaço foi alugado por R$ 500 para uma festa particular. 

Decreto municipal

Embora a norma autorize a retomada de eventos sem limitação de público, nos casos em que a lotação superar 300 pessoas é exigido que os frequentadores sejam pessoas vacinadas, haja controle de prova de vacinação completa e registro de todos os participantes com nome completo, CPF e telefone de contato.

Essa lista deverá estar disponível aos agentes de fiscalização durante e após o evento, para fins de eventual rastreabilidade.

Antes do funcionamento, cada empresa, espaço de evento, clubes de lazer e recreação devem protocolar junto à Vigilância Sanitária autodeclaração de responsabilidade pelo cumprimento das normas de biossegurança vigentes, principalmente as descritas no decreto.

Outra recomendação contida na norma municipal prevê que os eventos sejam realizados em locais abertos ou em locais arejados, onde seja possível manter portas e janelas abertas, de modo a permitir adequada circulação do ar.

Além disso, Dourados ainda segue o toque de recolher estabelecido de meia-noite às 5h.