Menu
segunda, 17 de maio de 2021
MS CRESCE PELA VIDA 14 a 18/05/2021
Polícia

Polícia prende dois suspeitos de assassinato de pintor no inferninho

Suspeitos ficarão presos preventivamente pelos próximos 30 dias e a investigação prossegue

27 abril 2021 - 08h12Por Vinicius Costa

A Polícia Civil prendeu, na manhã desta segunda-feira (26), dois homens de 35 e 48 anos, que são suspeitos de cometer o assassinato de Gleison da Silva Abreu, que foi achado nas pedras da cachoeira do Inferninho, no dia 1° de maio do ano passado, em Campo Grande.

A DEH (Delegacia de Homicídios) cumpriu quatro mandados de busca domiciliar e dois de prisão preventiva de pelo menos 30 dias, expedidos pela 2° Vara do Tribunal do Júri.

A Polícia vasculhou os bairros Santa Emília e Jardim Tarumã até encontrar o suspeito mais velho, que estava com um tablete de maconha e foi preso em flagrante por tráfico de drogas. O homem cumpria livramento condicional e era monitorado por tornozeleira eletrônica.

Gleison da Silva Abreu foi encontrado morto no Inferninho, com ferimentos no pescoço e teve a cabeça deformada.

A Polícia segue com as investigações para detalhar o que motivou a morte do pintor no ano passado.