TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
sábado, 02 de julho de 2022 Campo Grande/MS
Polícia

Presidente da OAB não expulsa denunciado por pedofilia: ‘ampla defesa’

Homem forte da Ordem foi denunciado por abusar da própria filha

25 junho 2020 - 10h04Por Vinícius Squinelo

Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil de Mato Grosso do Sul, Mansour Karmouche deixou claro que não pretende, pelo menos por enquanto, tomar medidas contra advogado denunciado por abusar da própria filha, uma menina de dez anos. O caso veio à tona nesta semana, com direito a registro de boletim de ocorrência.

“Não sabemos oficialmente do caso, oficiei a delegada para enviar o boletim de ocorrência. Ele sequer foi ouvido”, defendeu Karmouche. De acordo com o Boletim de Ocorrência, registrado pela mãe da criança, a filha foi visitar o pai e, ao retornar, contou que ele passa as mãos em suas partes íntimas, tanto no seio, como no bumbum.

O denunciado é advogado de forte influência na OAB/MS, e está afastado, com a alegação de problemas médicos.
“Como disse, não temos cópia do B.O., do relatório, nós não tivemos acessos. Chegando aqui poderemos adotar as medidas cabíveis”, afirmou Karmouche. “Claro, obedecendo o contraditório da ampla defesa”, completou.

Ele sequer foi ouvido ainda, é um boletim de ocorrência, há o direito do contraditório

Ainda conforme o boletim de ocorrência, a criança, uma menina de dez anos, contou para a mãe, que o abuso acontece desde quando ela era casada com o homem, mas não sabe dizer a data certa. A genitora disse aos policiais que nunca suspeitou dos abusos.