Menu
domingo, 27 de setembro de 2020
Polícia

Professora é morta a pauladas pelo ex-marido que saiu da prisão por violência doméstica

Assassino havia sido preso e posteriormente liberado pela polícia um dia depois de agredir a vítima

18 março 2019 - 15h41Por Da redação/Tudo Rondônia

Ueliton Aparecido Silva, 35 anos, foi preso em flagrante logo nas primeiras horas da manhã deste domingo (17) em Porto Velho, Rondônia, após matar a ex-esposa, identificada como Joselita Félix da Silva, 47 anos, com várias pauladas.

Ele ainda tentou matar o pai dela, de 74 anos, identificado como Francisco Félix da Silva, que foi socorrido em estado grave e levado para o hospital João Paulo II. Joselita, conhecida como Jô, era professora da Faculdade Fimca e da Santa Marcelina.

A polícia recebeu a denúncia para comparecer em uma residência localizada na Rua 21 de Abril, Bairro União, região central de Candeias do Jamari, onde um morador vizinho ouviu gritos de socorro e quando olhou por cima do muro avistou o criminoso  arrastando a vítima, suja de sangue.

Quando os policiais chegaram,  arrombaram a porta dos fundos e flagraram o suspeito ainda com um pedaço de madeira nas mãos batendo na cabeça da vítima. O pai dela ainda estava com vida. Os  PMs ordenaram que o assassino  soltasse a madeira, mas ele resistiu e foi necessário o uso da força  para prendê-lo.

Uma ambulância do Corpo de Bombeiros socorreu  Francisco, o pai da vítima,  para o hospital. Joselita era professora e atualmente estava tendo problemas com seu ex- marido,  usuário de drogas. Ela sofria  ameaças de morte. Ele já havia agredido a ex-eposa na manhã de sábado (16). Ueliton foi preso por lesão corporal e violência doméstica e, na Central de Polícia, na frente dos policiais, ele prometeu matar a mulher.

Leia Também

Brasil registra 869 novas mortes nas últimas 24 horas
CORONAVÍRUS
Brasil registra 869 novas mortes nas últimas 24 horas
Primeiro castramóvel chega em janeiro e vai atender bairros mais vulneráveis em Campo Grande
Cidade Morena
Primeiro castramóvel chega em janeiro e vai atender bairros mais vulneráveis em Campo Grande
Em dois anos, MS ganha 54 mil eleitores e mulheres definem eleição
Cidade Morena
Em dois anos, MS ganha 54 mil eleitores e mulheres definem eleição
Bebê com atrofia muscular morre após campanha para importar remédio de cerca de R$ 11 milhões
Geral
Bebê com atrofia muscular morre após campanha para importar remédio de cerca de R$ 11 milhões