Menu
quinta, 22 de outubro de 2020
Polícia

Rapaz morre após tomar energético e cheirar cocaína na Capital

Lucas estava em uma conveniência quando começou a passar mal

26 janeiro 2019 - 13h50Por Dany Nascimento

Lucas Eufrasio da Silva, 21 anos, morreu na madrugada deste sábado (26), após cheirar cocaína e tomar energético na companhia de alguns amigos em uma conveniência no bairro Jardim Presidente, em Campo Grande. De acordo com o Boletim de Ocorrência, a irmã da vítima relatou que encontrou Lucas por volta das 00h00 no estabelecimento, mas percebeu que ele não estava ingerindo bebida alcóolica.

Ele se aproximou da jovem e mostrou as mãos tremulas, alegando que não estava se sentindo bem. Os dois foram para a casa de um amigo do rapaz, quando a menina saiu para comprar bebidas. Ao retornar, ela encontrou o irmão no chão, reclamando de dores no tórax.  

A irmã disse que perguntou o que Lucas havia ingerido e ele confessou que tomou energético e cheirou cocaína. Ela levou o rapaz para casa e foi até outra residência, para chamar a mãe do mesmo. Ao retornar, ela notou que o irmão estava muito pálido, colocou ele no carro e foi para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Nova Bahia.

A equipe médica tentou reanimar o rapaz, mas ele não resistiu e faleceu. A irmã disse aos policias que acredita que Lucas fazia o uso de cocaína há dois anos. O caso foi registrado como morte a esclarecer na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro.   

Leia Também

Quinta-feira de ar abafado, previsão de pancadas de chuva e máxima de 37°C no Estado
Cidades
Quinta-feira de ar abafado, previsão de pancadas de chuva e máxima de 37°C no Estado
Lives e caminhadas em comércios estão na agenda de candidatos a prefeito nesta quinta
Cidade Morena
Lives e caminhadas em comércios estão na agenda de candidatos a prefeito nesta quinta
Toda poderosa: aliados de Bolsonaro querem Tereza Cristina na presidência da Câmara
Política
Toda poderosa: aliados de Bolsonaro querem Tereza Cristina na presidência da Câmara
Aliado de Bolsonaro, senador Arolde de Oliveira morre por complicações da covid-19
Geral
Aliado de Bolsonaro, senador Arolde de Oliveira morre por complicações da covid-19