Menu
quarta, 02 de dezembro de 2020
Polícia

'Tiro, porrada e bomba’: funk pesadão é motivo de briga e tiroteio entre vizinhos

Confusão aconteceu na tarde desta terça-feira (19)

19 março 2019 - 17h02Por Nathalia Pelzl e Amanda Amaral

Ludevino Neres, de 41 anos, ficou ferido após ser atingido por um tiro de raspão, efetuado pelo seu vizinho, o pedreiro José Paulo Júnior, de 31 anos. O motivo seria o som alto com músicas pejorativas tocadas na casa de Ludevino. A confusão aconteceu na Rua Central, no bairro Sayonara, na tarde desta terça-feira (19).

Segundo a esposa de Ludevino, Rosa Maria Gonçalves, de 42 anos, ela, o esposo e o filho estavam ouvindo som em casa, quando conhecido como Juninho, subiu no muro e atirou quatro vezes contra o som, sendo que um dos disparos atingiu de raspão o ombro da vítima.

Após os disparos, Juninho, que tem passagens por tráfico de drogas, saiu do local. Em sua defesa, a esposa Elaine dos Santos de Souza, de 25 anos, comenta que a versão dada pela família de Ludevino é mentira e que o vizinho teria se ferido de forma proposital com uma faca.

Segundo ela, a família é o 'pesadelo' do bairro, pois sempre escuta músicas com palavras de baixo calão e comete pequenos furtos nas redondezas.

A vítima foi encaminhada para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Vila Almeida.

Leia Também

Depois de agredir esposa grávida, homem cai de altura de quatro metros e morre no Oliveira III
Cidade Morena
Depois de agredir esposa grávida, homem cai de altura de quatro metros e morre no Oliveira III
Vídeo: roda dupla de caminhão se solta e 'atropela' mulher em calçada em Amambai
É milagre que chama?
Vídeo: roda dupla de caminhão se solta e 'atropela' mulher em calçada em Amambai
Em meio a afastamento, Wilson Witzel se batiza em igreja evangélica do Rio
Geral
Em meio a afastamento, Wilson Witzel se batiza em igreja evangélica do Rio
Plano do Governo prioriza idosos, presos e indígenas na vacina contra a covid
Geral
Plano do Governo prioriza idosos, presos e indígenas na vacina contra a covid