TCE Novembro
Menu
segunda, 29 de novembro de 2021 Campo Grande/MS
CAMARA - vacinaçao
Política

Bluma vota e afirma que deve apoiar candidato em possível 2º turno

Com chance mínima de seguir na disputa ao Governo de MS, candidato do PV diz depender do partido para escolha de apoio

07 outubro 2018 - 11h11Por Amanda Amaral

Figurando entre os últimos colocados em pesquisas de intenção de voto para ocupar o Governo de Mato Grosso do Sul, o candidato Marcelo Bluma (PV) já ‘entrega os pontos’ e diz que deve apoiar um de seus agora concorrentes em possível 2º turno. A declaração foi feita após registrar seus votos em escola no bairro Chácara Cachoeira, em Campo Grande, neste domingo (7).

“Não está nada definido até o momento, mas o apoio deve seguir o que for mais lógico, ou não apoiar ninguém. Mas a inclinação do partido, e o que também me deixa mais confortável, é de escolher alguém para apoiar, estabelecidos alguns critérios”, comenta.

Entre os motivos para não conseguir uma boa colocação em número de votos, o candidato considera que o eleitor do interior do Estado pode não tê-lo conhecido, mas acredita que se fortaleceu na Capital. “Em Campo Grande acho que vamos ter um resultado nas urnas mais positivo do que aparece nas pesquisas, senti que crescemos. Mas claro, sem estrutura partidária, tempo de televisão, com certeza temos dificuldade”, diz.

Bluma também destacou que houve menos tempo para levar mensagem até o eleitor dos municípios menores e mais distantes. Contudo, destacou a força que partidos menores ganharam junto ao crescimento de possibilidades das redes sociais, mudança que também trouxe coisas negativas, avalia.

“O advento das mídias sociais é bom por permitir que partidos com menos tempo de televisão, menos dinheiro, possam ter voz. Mas também transforma as eleições em show, os candidatos tomam postura superficial, e isso é uma pena para o Brasil e para a democracia”, pontua.