Menu
Busca quarta, 03 de junho de 2020
Gov - Compre de Casa
Política

Capitão Contar diz que atos pró-Bolsonaro são por 'cansaço da velha política'

Deputado criticou fortemente venda de votos em troca de apoio ao governo

26 maio 2019 - 13h48Por Thiago de Souza

Os atos em favor de Jair Bolsonaro (PSL), são, na visão do deputado estadual Capitão Contar, do mesmo partido, um repúdio à velha política e aos obstáculos criados contra o governo.
 
Para o parlamentar mais votado da ALMS, a cobrança por uma mudança de verdade e apoio ao governo são as principais bandeiras que serão levantadas neste domingo (26), em ato em frente ao Ministério Público Federal, em Campo Grande.
 
''Estamos cansados da velha política e não vamos ceder, por isso apoiamos o que o governo do nosso presidente Bolsonaro está fazendo. Este foi o recado das ruas: uma mudança, e é nisso que acreditamos'', salienta o deputado estadual Capitão Contar (PSL).

Nesta semana, Contar chegou a usar a tribuna da Assembleia para repudiar o discurso feito pelo deputado estadual de São Paulo, Paulinho da Força (SD), que disse que “precisamos de uma Reforma da Previdência que não garanta a reeleição do Bolsonaro''.

''Ele foi infeliz no que disse, desse jeito, ele demonstrou que não está do lado do povo e sim de um partido, de uma situação'', dispara o parlamentar.

''Espero que Bolsonaro consiga governar. Vejo de forma negativa o cenário de chantagens políticas que estão sendo feitas. E nosso presidente tem agido de forma equilibrada sem se envolver em ‘toma lá e da cá’, o que eu também sou contra. Acredito que ele está no caminho certo, e nós vamos às ruas de forma democrática, organizada e pacífica para manifestar este apoio”, salienta o parlamentar.

Contar conclui dizendo que ''Bolsonaro está governando de forma séria para que o país cresça, isso é ‘Ordem e Progresso’ e não retrocesso”.

 

Leia Também

AMBULÂNCIA E SANGUE: mãe de Neymar tem briga feia com namorado em Santos
Geral
AMBULÂNCIA E SANGUE: mãe de Neymar tem briga feia com namorado em Santos
Afastamento de Renata Vasconcellos do Jornal Nacional é por questões pessoais
Geral
Afastamento de Renata Vasconcellos do Jornal Nacional é por questões pessoais
VÍDEO: garota de 11 anos dá golpe de capoeira e escapa de assalto no Piauí
Geral
VÍDEO: garota de 11 anos dá golpe de capoeira e escapa de assalto no Piauí
Moro está proibido de advogar e vai ser colunista em revista
Política
Moro está proibido de advogar e vai ser colunista em revista