Menu
quarta, 20 de outubro de 2021 Campo Grande/MS
senar 18/10 a 21/10
COVID-19

Fundação de MS investigada por superfaturamento de máscaras

Promotoria avalia que a compra foi realizada a ‘preços exorbitantes’

25 setembro 2021 - 18h10Por Vinícius Squinelo

A Fundação Serviços de Saúde de Nova Andradina está sendo investigada pelo suposto superfaturamento na compra de máscaras de proteção contra a covid-19. O documento oficial com o procedimento será publicado na segunda-feira (27) no Diário Oficial do Ministério Público de Mato Grosso do Sul.

A investigação é conduzida pela 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Nova Andradina, e será instaurada com o número 06.2021.00000889-2. O inquérito civil público é conduzido pelo promotor Paulo Henrique Mendonça de Freitas.

A investigação ainda está no começo, porém estão no alvo a Fundação de Serviços de Saúde de Nova Andradina e a empresa Realmed Distribuidora.

Conforme o inquérito, há fortes indícios de ilegalidades na troca comercial entre os investigados. O objetivo da investigação é apurar a negociação de máscaras N95/PFF2 destinas ao Hospital Regional da cidade.
O promotor vê hoje indícios de ‘preços Andradina/MS a preços exorbitantes durante a Pandemia Covid-19.

São investigados os crimes de improbidade administrativa e violação de princípios administrativos.