Solurbe - corrida do meio ambiente 18/04 a 08/05
(67) 99826-0686
Prestação de contas 17/04 a 26/04/2019

Sem sucesso nas urnas, Luiza Ribeiro culpa escolhas do partido e defende Bernal

O PPS optou por lançar candidatura própria e lançou Athayde Nery e não apoiar o prefeito

5 OUT 2016
Rodson Willyams
13h25min
Foto: Arquivo TopMídiaNews

A vereadora Luiza Ribeiro afirmou, após perder a cadeira na Câmara Municipal de Campo Grande, que o PPS errou ao optar uma candidatura pura. O partido lançou a candidatura do ex-vereador Athayde Nery para disputar as eleições.

Para ela, se o partido tivesse coligados com o Partido Progressista, que teve como candidato o prefeito Alcides Bernal, o resultado poderia ter sido diferente para ambos os lados.  

"Tive uma boa votação, mas o meu partido não teve um quociente eleitoral necessário para que eu fosse eleita. Eu defendi uma aliança com o Alcides Bernal, que não foi aceita pelo partido. Então, agora vejo que o partido não fez uma boa estratégia ao preferir lançar uma candidatura na majoritária. Com isso, nós tivemos esse resultado", comentou.

No entendimento de Luiza, com a pouca diferença que Bernal teve com a vice-governador e candidata a prefeita de Campo Grande, Rose Modesto, do PSDB, o resultado da união entre PP e PPS poderia ter mudado a eleição.  

Sem mandato parlamentar para o próximo ano, a vereadora afirma que deve continuar os seus trabalhos dentro da militância do PPS.

Por fim, ao ser questionada se deveria ter mudando de partido durante a abertura da janela partidária, Luiza afirma que essa não seria solução, e que resultado melhor teria sido a coligação com Bernal. "Tenho certeza que agora poderíamos ter um segundo turno com Bernal".

 

Veja também