Menu
terça, 27 de julho de 2021
PMCG REFIS 16 A 29/07
Política

Lula 'destrói' Bolsonaro em intenções de voto e acorda PT em MS

Datafolha coloca ex-presidente a frente de Bolsonaro em primeiro e segundo turno

14 maio 2021 - 07h00Por Rayani Santa Cruz

Após a divulgação da pesquisa Datafolha que indica possível vitória de Lula nas eleições 2022 no primeiro e segundo turno, os petistas de Mato Grosso do Sul demonstraram grandes expectativas e esperanças de derrotar Jair Bolsonaro nas urnas. 

Conforme a pesquisa estimulada, Lula vence Bolsonaro no primeiro turno com 41% das intenções de voto contra23%. Já no segundo turno, o petista vence por 55% a 32%.

Para o presidente regional do PT de MS, Vladimir Ferreira o resultado indica que a população brasileira está insatisfeita com a gestão atual, que frente a pandemia demonstrou incapacidade. 

“É uma sinalização forte daquilo que está se consolidando no sentimento do povo brasileiro. O povo está cansado de um governo que, todos os dias, cria uma confusão nova. E o povo enxerga no presidente Lula uma alternativa que demonstrou ser capaz de governar o Brasil e unir o povo. Lula tem a capacidade política de construir uma frente pela democracia brasileira e pela superação deste triste período que estamos vivendo.”

O deputado federal Vander Loubet disse que essa é mais uma pesquisa que demonstra o quantitativo de intenção de votos a Lula e a depreciação de Bolsonaro. "Essa pesquisa Datafolha confirma a tendência apontada pela pesquisa XP/Ipespe que foi divulgada no começo de abril, ou seja, com os direitos políticos recuperados e a inocentação confirmada pelo STF, o Lula segue como o quadro político mais importante e mais popular do Brasil e líder isolado na disputa pela Presidência em 2022. O que mais chama a atenção, também, é que a rejeição ao Bolsonaro e a reprovação ao seu governo seguem aumentando progressivamente - o que é perfeitamente compreensível, dado o desgoverno que ele faz, sendo incompetente para dar respostas ao Brasil tanto na questão da pandemia quanto na questão da retomada do crescimento econômico e da melhoria da qualidade de vida da população."

O deputado estadual Pedro Kemp publicou a pesquisa em sua página da rede social. E vem dizendo há alguns meses sobre a construção de uma nova frente política entre partidos progressistas. "Tenho grande esperança que ele seja candidato e vença as eleições."

Zeca do PT afirma que a pesquisa mostra que as pessoas estão convencidas de “crimes e barbaridades que procuradores e [o ex] juiz Sergio Moro fizeram para incriminar Lula”. Para ele, os dados são um apreço pelo ex-presidente Lula e demonstram alto grau de rejeição, descontentamento e desprezo que o povo tem por Bolsonaro.

“O arrocho salarial, custo de vida, falta de capacidade na articulação das relações internacionais, desprezo pelos mais pobres e equívoco na pandemia leva o povo a rejeitar Bolsonaro e ter lembrança do Lula, que fez gestão de recuperação de poder salarial, políticas de inclusão social e transferência de renda. As pessoas querem isso de volta.”

Ele cita que a tendência é aumentar os percentuais. "Lula sabe que sozinho não ganha eleição. Acho absolutamente certa a articulação dele com setores do centro democrático, liberais que são capazes de ajudar no processo eleitoral e na construção de um programa amplo e positivo".

Zeca afirma que Lula deve conversar com setores progressistas de outros partidos para articular alinhamentos para 2022.