A+ A-

quarta, 22 de maio de 2024

Busca

quarta, 22 de maio de 2024

Link WhatsApp

Entre em nosso grupo

2

WhatsApp Top Mídia News
Política

21/08/2017 11:18

A+ A-

Ministro confirma recursos para a construção de novas escolas de tempo integral em MS

José Mendonça afirmou que, após diálogo como governador do Estado, acredita que dez novas unidades serão construídas em MS

O ministro da Educação, José Mendonça Bezerra Filho afirmou que pretende atender o pedido do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) para ampliar o número de escolas de tempo integral em Mato Grosso do Sul e acredita que será possível a construção de dez novas unidades. Atualmente, a parceria rendeu 12 escolas de tempo integral, que foram construídas em Campo Grande, Dourados, Naviraí, Maracaju e Corumbá, atendendo um total de 4 mil alunos.

“Aqui no Mato Grosso do Sul anunciamos a retomada do programa de escola em tempo integral, temos a parceria com governo do Estado, são 12 escolas funcionando aqui em tempo integral, com apoio. Queremos ampliar a secretaria, falamos em mais dez escolas e isso mostra funcionamento do Ministério, que está normalizado, bem melhor do que quando assumimos”, explica o ministro.

Bezerra destaca que, ao assumir o Ministério, deu ordens para que 700 obras voltassem a funcionar no país. “Se comparar o momento em que assumimos, tinha 700 obras paralisadas de institutos e universidades, quem acompanhou o desempenho desses mais 12 meses percebe que liberamos recursos, retomamos obras e, aqui no MS, é um reflexo e retrato aplicado em unidades”.

Questionado sobre a situação financeira do Ministério, José afirma que todo gestor acaba lidando com escassez, mas garante a liberação e recursos para Mato Grosso do Sul. “Com relação ao quadro orçamentário do Mministério, estamos aqui hoje para entregar várias obras tocadas no âmbito da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, liberando recursos para os municípios, autorizando obra nova de um hospital para mulher em Dourados. Escassez é algo que todo gestor lida, priorizamos ações mais relevantes e colocamos em prática política educacional que atenda mais pobres”.

Sobre as universidades, o ministro ressalta que as prioridades ficam sob responsabilidade de cada reitor. “Temos um orçamento de investimento para 2017 que acabamos de autorizar de mais de 5 pontos percentuais  de orçamento. O reitor da UFMS do MS elencou as prioridades com relação a oito obras que precisam ser concluídas, que contarão com apoio do MEC. Evidente que, com quadro geral de escassez de recursos no Brasil, temos que elencar as obras essencialmente mais relevantes para o atendimento da comunidade estudantil e isso se faz a medida em que divide as prioridades, tendo a reitoria como ente que naturalmente expressa as demandas mais importantes”.

Visita ministro

Bezerra desembarcou na Capital para participar da posse dos integrantes do Conselho de Reitores de Instituições de Ensino Superior no Estado, na ALMS (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul). Em seguida, ele acompanha o governador do Estado e o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, na inauguração Ceinf (Centro de Educação Infantil) Professor Eloy Souza da Costa, no bairro Tijuca II.

No período da tarde, o ministro segue para a Escola do Suas, no bairro Guanandi, ao lado da vice governadora Rose Modesto, para assinar o termo de adesão ao Programa Vale Universidade.

Após o evento, ele segue para Dourados para participar da  assinatura da ordem de serviço para a execução da primeira etapa da Unidade da Mulher e da Criança e o descerramento da placa de inauguração do Bloco D da UFGD “Universidade Federal da Grande Dourados”.

 No início da noite, o ministro participa da  solenidade de inauguração do Centro Estadual de Educação Profissional Professora Evanilde Costa e Silva, construída no Jardim Água Boa.

Loading

Carregando Comentários...

Veja também

Ver Mais notícias
JARDIM VERANEIO MAIO E JUNHO DE 2024