TCE Novembro
TJMS DEZEMBRO
Menu
quinta, 02 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
CONSTRUINDO O SABER 29/11 A 29/12
Política

Reeleito, Azambuja agradece eleitores e redobra compromisso de trabalhar por MS

'É uma alegria enorme, principalmente num momento difícil como esse', declarou

28 outubro 2018 - 20h29Por Diana Christie e Celso Bejarano

Recebido aos gritos pela militância no comitê do PSDB, o governador reeleito Reinaldo Azambuja agradeceu aos eleitores e prometeu redobrar esforços para garantir o crescimento de Mato Grosso do Sul.

“É uma alegria enorme, principalmente num momento difícil como esse. Nós passamos uma eleição dura, que quiseram criminalizar a atividade política, ofenderam a nossa família. Mas Deus é grande”, declarou.

Agradecendo especialmente aos funcionários públicos, que comemoram o Dia do Servidor neste domingo (28), Reinaldo prometeu continuar trabalhando em parceria com os municípios.

“Uma palavra que eu posso falar a Mato Grosso do Sul é gratidão pela confiança, pela oportunidade que nos dá de trabalhar mais quatro anos, agora com mais energia. Eu redobro meu compromisso. Vou trabalhar incansavelmente para ter um Estado cada vez melhor”, pontua.

Em relação a vitória de Jair Bolsonaro (PSL), o governador disse estar muito contente com o resultado das urnas em âmbito nacional e contou que já recebeu uma ligação de agradecimento do presidente eleito.

Resultado das urnas

Candidato à reeleição, Reinaldo Azambuja confirmou o favoritismo somando 52,35% da preferência dos eleitores. O segundo colocado, Odilon de Oliveira (PDT), obteve 47,65% dos votos.

Brancos contam 2,67% e nulos somaram 8,07%. Já o número de abstenções atingiu a marca de 22,78%.

História política

Forçado a abandonar o curso de Administração, Azambuja saiu de Maracaju para conhecer novas tecnologias, fez intercâmbio nos Estados Unidos e colecionou ideias e métodos que hoje aplica como chefe de governo.

Foi prefeito de Maracaju por dois mandatos, assumiu a presidência da Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul (Assomasul), foi deputado estadual, deputado federal e eleito governador em 2014.


Como parlamentar conduziu a formação da Frente Parlamentar do Agronegócio, liderou a bancada do PSDB e foi citado pela revista Veja como um dos mais atuantes e transparentes parlamentares.

No governo cumpriu 78% das promessas da campanha passada, iniciou a Caravana da Saúde e fez um trabalho de regionalização da saúde. Com o resultado das urnas neste domingo, deve governar até 2022.